Substituto de Muralha pega pênalti, Fla vence com 2 de Vizeu e garante mais uma final Brasil x Argentina


O futebol sul-americano terá mais uma decisão entre brasileiros e argentinos em 2017. Após ver o Grêmio bater o Lanús e conquistar a Copa Libertadores, agora terá o embate entre Flamengo e Independiente pela Copa Sul-Americana. O time rubro-negro assegurou vaga na decisão da competição na noite desta quinta-feira ao derrotar o Junior Barranquilla por 2 a 0, no estádio Metropolitano, na Colômbia. E teve um herói totalmente improvável: César.

Sem jogar há dois anos, ele substituiu Muralha, barrado pela comissão técnica pelas falhas recentes e que acabou acompanhando a partida de um dos camarotes do estádio Metropolitano. César acabou fazendo boas defesas e defendeu um pênalti cobrado por Chará, aos 43 minutos do segundo tempo.

Em outros lances ele foi muito bem. Não cometeu nenhum equivoco nem deu sustos para o torcedor rubro-negro. E até viveu um momento preocupante. Aos 15 minutos da etapa final, ao chutar uma bola caiu no gramado com fortes dores na perna direita. Foi atendido e não precisou ser substituiu. Foi apenas câimbra. 

Antes de o jogo iniciar, o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, minimizou a mudança e aprovou César. "Escolha da comissão técnica. A diretoria não tem nada a ver com isso. Pelo contrário, a gente confia e apoia as decisões da comissão e sabe que o jogador também entende", disse para a SporTV.

A vitória fez o Flamengo se classificar, mas o time poderia até empatar por ter vencido há uma semana por 2 a 1, no Maracanã. Ambos tentos dessa noite foram de Vizeu.

O primeiro foi após bela jogada individual do atacante, aos 6 minutos do segundo tempo. Depois, aos 47, fez o segundo após cruzamento de Rodinei.

Os jogos da decisão serão em 6 e 13 de dezembro. O Independiente, da Argentina, eliminou o Libertad, do Paraguai, na outra semifinal, mas jogará a primeira em casa. O Flamengo, que deve optar pelo Maracanã, decidirá a segunda em casa.

  • Sufoco no 1º tempo

O Flamengo não conseguiu criar nenhum bom lance de ataque, que deixasse o time carioca em condições de abrir o placar no estádio Metropolitano.

O dono do primeiro tempo foi o Junior Barranquilla. A equipe colombiana sufocou a defesa rubro-negra. Mas também teve poucas chances claras de gol.

Uma delas foi aos 5 minutos, o goleiro César foi muito bem e defendeu uma cobrança de falta perigosa de Mier. A outra aconteceu aos 18. Foi em um lance no qual Chará fez o cruzamento da direita, Mier finalizou com muita força e a bola saiu a esquerda da meta.

A única defesa do goleiro Vieira foi em uma finalização de cabeça de Vizeu, após cruzamento de Paquetá, aos 38. Mas nada impossível também. 

  • Olha o gol!

O Flamengo começou o segundo tempo mais esperto. No primeiro bom contra-ataque que organizou abriu o placar. Foi aos 6 minutos. No lance, Felipe Vizeu fez bela jogada pelo lado esquerdo, invadiu a área e tocou na saída do goleiro Viera. Foi um belo gol do time rubro-negro.

Após conseguir a vantagem, o Flamengo recou e arriscou-se muito pouco. Geralmente em contra-ataques com o próprio Vizeu. 

Aos 43 minutos. César defendeu pênalti cobrado por Chará. Três minutos depois Vizeu ampliou. No lance, Rodinei fez boa jogada na ponta direita, cruzou para o meio e Vizeu, na pequena área, empurrou para o fundo do gol!

  • Ficha técnica

JUNIOR-COL 0 X 2 FLAMENGO

Local: Estádio Metropolitano, em Barranquilla (Colômbia)
Data: 30 de novembro de 2017 (Quinta-feira)
Horário: 22h30 (de Brasília)
Árbitro: Roberto Tobar (Chile)
Assistentes: Claudio Rios (Chile) e José Retamal (Chile)
Cartões amarelos: Barrera (Junior); Rhodolfo (Flamengo)

GOLS: Felipe Vizeu, aos 6 e 46min do segundo tempo

JUNIOR: Sebastián Viera, David Murillo, Rafael Pérez, Jorge Arias e Germán Gutiérrez (Barrera); Luis Naváez, Henry Matías Mier (Ovelar), Víctor Cantillo e Yony González (Diaz); Yimmi Chará e Teófilo Gutíerrez. Técnico: Julio Comesaña

FLAMENGO: César, Pará, Juan, Rhodolfo e Miguel Trauco; Gustavo Cuéllar, Willian Arão, Diego, Éverton Ribeiro (Márcio Araújo) e Lucas Paquetá (Rodinei); Felipe Vizeu (Mancuello). Técnico: Reinaldo Rueda





VEJA TAMBÉM:
> Substituto de Muralha pega pênalti, Fla vence com 2 de Vizeu e garante mais uma final Brasil x Argentina
> Substituto de Muralha pega pênalti e Fla volta a disputar final continental
> Muralha é xingado em embarque do Flamengo para a Colômbia
> Presidente do Flamengo diz que não foi procurado por Adriano sobre desejo de voltar ao clube




Comentários

Veja também











Mais notícias ->

REDES SOCIAIS